quarta-feira, 25 de julho de 2012

Escola de esqui


Alice Della Rocca odiava a escola de esqui. Odiava despertar às sete e meia da manhã também nas férias de Natal e odiava o pai que a fitava ao pequeno-almoço enquanto por baixo da mesa fazia dançar a perna nervosamente, como que a dizer despacha-te. Odiava as meias-calças de lã que lhe picavam as pernas, as luvas que não lhe deixavam mexer os dedos, o capacete que lhe esmagava as faces e premia com o ferro no queixo e, depois, aquelas botas, sempre demasiado apertadas, que a faziam caminhar como um gorila.
 - Então, bebes o leite ou não? – insistiu, de novo, o pai.
Alice emborcou três dedos de leite a ferver, que lhe queimou primeiro a língua, depois o esófago e o estômago.
 - Muito bem. Hoje vais mostrar quem és – disse-lhe.
E eu sou quem, pensou ela.

Ler por aí... em Julho 2012

Nenhum comentário: